24 de nov de 2014

Sobre uma derrota na Copa de 2014

Entre um café, um chá e um chocolate quentes arrepiando uma alma cheia de frio...

Bom dia com: Você sabe perder?
Porque eu ainda estou aprendendo....
Aprendendendo a lidar com pequenas e grandes frustrações e encontrar recursos internos que me aproximem da certeza quanto à força vital que me inclina a caminhar para frente e sempre.

Aprendendo com as despedidas necessárias e involuntárias, revolvendo carências e resfriando parte da euforia para que então a reflexão aconteça.

Aprendendo que parte dos referenciais apreendidos durante algumas décadas, não me levarão à parte alguma a não ser a velhos e demolidos espaços internos.

Que o medo do desamor auxilia a conexão com necessidades superficiais, cegando-me a contemplação do belo... também expresso em dias frios.

E que muito embora corações se unam em momentos diversos, a caminhada é sempre solitária. É preciso compreender e aceitar isso para que amar não se torne um fardo, um boleto de cobrança...

Estar consciente sobre o controle que não nos cabe... esse que sempre vai ao encontro com anseios do ego, é o primeiro passo para a autorizar a fluidez da alma em manifestações plenas de amor.

Ana Virgínia Almeida Queiroz
Drágeas Psicológicas no facebook: https://www.facebook.com/drageaspsicologicas

Google+ Twitter Facebook Delicious Digg Favorites More