16 de out de 2013

Autoconhecimento

 
E se objetivas conhecer-te, saibas o quão doloroso e solitário é o processo de autoconhecimento.
Transitar nessa jornada, apesar dos obstáculos, das pedras, do tempo ruim, liberta-nos, pois nos conduz ao conhecimento sobre a verdade de nós mesmos, nossos limites, nossa capacidade de sentir e SER.
Ninguém nos acompanha. Alguns ainda estão estagnados, outros tomaram caminhos diferentes, alguns mais lentos, outros mais à frente... o importante é seguir adiante e sempre!

Ana Virgínia Almeida Queiroz

Google+ Twitter Facebook Delicious Digg Favorites More