31 de jan de 2012

A rotina faz falta


Por incrível que pareça meus filhotes já estão com saudades da rotina escolar. O dia pra eles está sendo mais cansativo do que se estivessem em suas atividades normais. As brigas são constantes, o chora chora também e quem fica estressada nessa história, heim?! A mamãe aqui que se esforça pra ser uma mãezona e acha que a culpa de tanta indisciplina é dela.

Rafa ainda vai pra farmácia "ajudar" o pai. E quando dá pra fazer perguntas... sai de baixo!
Lucas quer ir também, mas os 2 juntos num ambiente comercial... nem a "Super Nanny" ida dar conta. Já tentamos e o estresse foi bem maior. 


Deixá-los o dia vidrado na TV era o que eu menos queria, mas fazer o quê? Os quebra-cabeças já se esgotaram, das brincadeiras já se fartaram e pra completar a chuva cai e eles têm que ficar dentro de casa, saindo no máximo até a varanda. E a "bendita" TV ligada...
Antes queriam muito assistir Discovery Kids... hoje é Cartoon Network, Boomerang, Disney, Nickelodeon, Sport TV.


Os filmes de bebês... já era o tempo. Agora é luta por cima de luta, policial, bandido e ladrão. E o pior... querem imitar na vida real e serem os salva-vidas do planeta. Aí vêm as quedas e os machucados e as brincadeiras pesadas que toda mãe de menino sabe muito bem como elas terminam.


A gente chega em casa, faz uma coisa, faz outra, dá um "time" no "facebook" e eles ainda viram pra gente e dizem: “a senhora gosta mais dos seus amigos do que de mim”. Ninguém merece!! Chantagem emocional... isso eles também sabem fazer. rsrs... Mas quanto estão em seus jogos online ficam "surdos e mudos" vidrados na tela do PC e esquece da mãe, do pai e até deles mesmos. 


Bem, mas apesar das indisciplinas e alguns castigos aplicados, as férias tiveram um saldo positivo: aprenderam a lavar louças, enxugá-las; arrumar a cama e dobrar seus lençóis.
Rafael com apenas 7 anos já se acha um pré adolescente (é assim mesmo que ele se rotula) e depois que aprendeu a fritar um ovo... 


Já disse que homem pode casar com 15 anos e pode até ser pai (misericórdia, Jesus!).
Depois dessas... acho melhor as férias acabarem porque percebo que em suas rotinas eles voltam a ser crianças e quando estão sem atividades querem nos imitar e acabam nos surpreendendo com cada uma!


Então... que venha o 1º dia de aula pros meus abençoados!! Pode chegar com todo gás!! Eles já estão preparados!! E nós pais também!! ;)"

Carliana Queiroz Serra Menezes
Idade: 37 anos, mãe de Rafael  e Lucas (7 e 4 anos)

Farmacêutica Bioquímica
Coroatá - Maranhão

Google+ Twitter Facebook Delicious Digg Favorites More